11 de fev de 2012

Minuto a Minuto: 4x12 "Welcome to Westfield"


Correndo sérios riscos de sofrer bullying no final desse post, mais um quadro de comédia no Fringe BR! Não, esse não é o "Sob Efeito do LSD", então não tem ninguém se passando por Walter fashion aqui. A ideia é comentar o episódio da semana, com muita piada ruim, tentativas falhas de humor negro no nível de Zorra Total, pra animar o seu final de semana (se você não rir COM o texto, vai rir DO texto, vergolha alheia também é humor, abraços). No final, comentem. Sugestões e críticas são sempre bem vindas!

ESSE TEXTO ESTÁ CARREGADO DE SPOILERS. COMO SE ISSO IMPEDISSE ALGUÉM DE LER.

De uns tempos para cá, Fringe só começa seus episódios com sonhos. Cada um representando para o seu sonhador, o que ele mais quer. Já vimos Peter lembrando de sua família original, e agora vemos Olivia pensando em sexo. Sim, o que ela mais quer; depois de uma vida sem tirar o atraso, aparece um cara de outro universo falando que pega ela na sua dimensão, Liv não é boba nem nada, já está se preparando pro acasalamento, mesmo que por enquanto, só em seus sonhos.


Mais uma vez, o efeito Jean Grey (que deve estar escondida ali na floresta). Claro, o episódio dá a entender que é tudo culpa de DAVID JONES (o cara é tão bom, que merece o nome em caps), mas no fundo, todos os fãs sabem que é a Olivia fazendo pegadinha ali atrás, já que o Cortexiphan a transformou em um X-Men.


Depois de quase 3 temporadas para ver nosso querido Broyles dando uma risadinha, finalmente conseguimos em LSD (E19S03). Dessa vez, Broyles nos mostra mais uma de suas caras e bocas: susto.


Walter brincando de ser vândalo. É sério, o cara trabalha pro FBI e sai pegando rodas de carros aleatórios pra ficar arremessando, como se tivesse um cachorrinho pra ir buscar. Ou uma vaca no caso, mas Gene não é animal de estimação, é um gênio por trás de tudo que acontece em Fringe, então não precisa buscar nada u_u.


Olhem pra cara do Walter. Piada feita.


Você, isso, você mesmo! Cansado de usar óculos e ser chamado de quatro olhos? Essa é a hora da vingança!


Na verdade, não aconteceu nada nessa parte, mas a Anna Torv é tão gata que seria um crime não colocar isso aqui.


Gente, achei isso um A-B-S-U-R-D-O. Olha o jeito que o cara trata a boneca, a coitada tá sangrando, sendo arrastada pelo braço, quem topa compartilhar no face pra mostrar como esse mundo está perdido? Se bobear, conseguimos até R$0,05 por compartilhamento para ajudar na causa #Indignado #LeiMariaDaBarbie


Lembra quando a mamãe falava "Filho, eu sei que dói, mas se não arrancar o dentinho, nasce outro por cima", então, a mãe dessa mulher aí não falou.


Fala sério, esses moleques que ficam falando "ah, que dia ótimo pra suicídio", aprendam com essa mulher, cortou um pulso, e depois cortou o outro com o primeiro cortado. Uma guerreira na arte de se matar.


Já viram Pequenos Espiões 1? Lembram do cara que mudava o rosto do outro numa espécie de massinha de modelar? Então, mesma coisa.


Gêmeos.


Walter pensando em roubar o Peter. Acho que está no DNA dos Walters, roubar o filho dos outros é quase que rotina.


E o episódio termina com aquela cena que muitos fãs vão chamar de "melhor cliffhanger ever", e até seria bom, se eu comprasse a ideia. Não, eu não acho que a Olivia está compartilhando a memória com a outra Olivia. Acho que só porque ela descobriu o que o Peter fazia sexta a noite com a outra, se fingiu de boba e correu pro abraço, beijo e o que mais ela tiver direito. #OliviaSafadinha #FogoNaMassivaEDinamica

Por hoje é só, próximo episódio tem mais (ou não). Tô no face e no twitter! Abraços!
Por Jean Rocatelli.

1 teorias:

Nana disse... [Responder Comentário]

Adorei o momento comédia, Olivia safadinha foi o melhor ;)

Postar um comentário

.